Fechado

Comentei num post mais antigo sobre o que Deus me falou no início de 2010, para estudar os livros de Apocalipse e Cântico dos Cânticos SIMULTANEAMENTE. Nesse post até comentei uma experiência tremenda que tive pedindo a Deus que me explicasse algo que não estava entendendo.

Na minha cabeça jamais os dois livros tinham alguma ligação. Normalmente leio dez capítulos do NT por dia (isso me ajuda a ler o NT uma vez por mês) e quase todo domingo leio o livro de Apocalipse inteiro. Quero ter o livro de Apocalipse em minha mente e coração, em minha linguagem, em meu entendimento e em minha linguagem de oração. A Palavra nos diz prá pensar nas coisas que são do alto. Ler Apocalipse junto com Cântico dos Cânticos tem mudado RADICALMENTE minha forma de ver o Senhor. E algo me chamou atenção. Talvez não teria visto isso se não estivesse lendo os dois ao mesmo tempo.

Jesus chama a sua amada Noiva, a Igreja de JARDIM FECHADO. E em Apocalipse a sua amada Noiva, a Igreja (as cartas são para igrejas e não incrédulos) está com a PORTA FECHADA e Jesus fica preso do lado de fora.

Note bem a diferença. Na antiguidade existiam dois tipos de jardins – jardins públicos e jardins fechados. Os reis tinham jardins fechados onde só a família do Rei era bem-vinda. Os jardins públicos… bem… o próprio nome já diz.

A Igreja ouviu da boca de Jesus – “Eis que estou à porta e bato…” – Jesus estava fechado, do lado de fora, sem poder entrar. Repito que não é uma passagem para incrédulos, e sim para a Igreja. Triste pensar que hoje ainda, Jesus também se encontra do lado de fora de tantas igrejas e corações que dizem pertencer a Ele.

Mas a amada, que em Cântico dos Cânticos é uma figura perfeita da Igreja, à partir do capítulo um vai crescendo em entendimento, em comunhão, em intimidade com o Amado. Existe um progresso espiritual em sua vida tremendo e toda simbologia desse livro é simplesmente fascinante à quem deseja se aprofundar, guiado pelo Espírito de Deus, que é nossa “escolta”, nos levando à profundeza do coração do Pai.

A Amada, a Noiva amadurece espiritualmente. E então Jesus diz: “Jardim fechado és tu”. Que lindo! Ele não está fechado do lado de fora. Na verdade, está fechado DO LADO DE DENTRO, porque o jardim que Ele menciona é um jardim fechado, jardim particular, como o jardim de um Rei! E Ele é nosso Amado mas também o nosso Rei! Eu quero ser um jardim fechado para Ele, onde só o Espírito Dele, e nenhum outro, tenha acesso! Deus tem uma “coisa” com jardins, não é mesmo? 🙂 Deus ama jardins! E quando somos povo de propriedade exclusiva Dele (e agimos como tal) Ele nos vê como jardins particulares.

Mais lindo ainda é o que diz em seguida no capítulo 5 – “MANANCIAL FECHADO, FONTE SELADA” – você tem idéia do que isso significa? Fonte é o que Ele diz no NT: se crermos Nele rios de águas vivas fluirão do nosso interior, a fonte do Espírito Santo em nós. No NT também vemos que fomos SELADOS pelo Espírito Dele! As águas do Espírito Santo são límpidas, claras e se tornam um manacial poderoso nas vidas daqueles que são JARDINS FECHADOS PARA O SENHOR.

Mas o mais impactante vem depois! A noiva diz: “Ah! Entre o meu amado no jardim, e coma dos seus frutos excelentes!” O convite da Igreja à intimidade, dizendo que Ele é bem-vindo para entrar em Seu próprio jardim particular! A resposta do Noivo? (me emociono ao pensar no amor que Ele tem por mim, por cada um de nós):

“Já entrei no meu jardim, minha irmã, minha esposa” (…) “Comei amigos, bebei abundantemente, ó amados!” Me pergunto: A quem Jesus está chamando? Se o Jardim é particular, à quem o Noivo está convidando? Quem mais poderia participar de um momento tão íntimo? No mínimo precisa ser alguém do mesmo nível espiritual que Jesus, o Amado, porque este é um momento de comunhão íntima!

Pois a resposta está em João 14 (o evangelho do discípulo amado, que entendeu o princípio do amor e intimidade com Jesus e com o Pai).

“Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós… Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e o meu Pai o amará, e VIREMOS PARA ELE, E FAREMOS NELE MORADA!” (v 20 e 23)

Jesus convida o Pai e o Espírito (por isso Ele diz ‘AMIGOS’ ao  convidá-los) e a TRINDADE PLENA faz morada em nós, quando somos um JARDIM FECHADO! Pensamos em porta fechada como algo ruim. Na verdade depende. A porta sempre vai estar fechada. A questão é se Jesus está sendo fechado do lado de dentro ou do lado de fora.

Jesus tem ficado do lado de dentro do seu coração (intimidade) ou do lado de fora (pois não é bem-vindo) batendo na porta? Lembre-se que Ele quer entrar e comer dos frutos excelentes, fazer jorrar a fonte de águas vivas do Espírito dentro de você. Se você abrir a porta Ele vai entrar e ceiar com você. Medite em Apocalipse 3:20 e em Cântico dos Cânticos 4 e 5.

Deus te abençoe.
Raquel Emerick

Anúncios

7 responses

  1. maurosp

    Profundo essa visão ligando o Apocalipse com o livro de Cânticos!!!
    Essa passagem onde Jesus está batendo a porta é realmente chocante…
    Já imaginou o dono da Festa esquecido do lado de fora!!!

    Julho 29, 2010 às 17:47

  2. maurosp

    http://maurosp.wordpress.com/2010/07/28/

    Oi Rachel, vc tem me influenciado… Veja ai o blog…

    Paz!

    Julho 29, 2010 às 17:48

    • Olá Mauro! Glória a Deus! Dei uma olhada no seu blog, falando sobre o amor de Deus e sobre João! É isso mesmo, é o coração de Deus prá todos nós!
      Obrigada por deixar seu comentário aqui! Jesus te abençoe.
      Abraço.
      Raquel Emerick

      Julho 29, 2010 às 17:55

  3. Oi Raquel… Deixo pra
    è sempre muito bom passar por aqui, sempre leio mais nunca postei nada…
    Mais dessa vez não resisti rsrs
    Que profundo essa interpretação/ visão do Livro de Cânticos com o de Apocalipse..
    Hoje muito se fala em mergulhar no Rio de Deus ,mais na verdade a igreja do Senhor tem estado de costas para esse RIO ou seja Fechando a porta de deixando o SENHOr do lado de fora.. Queremos muito a presença, mais nos apegamos as coisas e não reservamos tempo pra DEUS.
    Queremos ser íntimos, mais não reservamos o melhor lugar dentro do nosso coração para o nosso amigo mais chegado.
    Tenho refletido muito sobre isso nesses dias, sobre ser ìntimo de Deus e como a igreja tem se comportado em relação a Deus. Que valor estamos dando a Elel? Que parte da nossa vida dedicamos a ELe? Só o que sobra no final de um dia exausto de trabalho? Isso não é comportamento de quem tem intimidade com Deus. Ao ler seu post, foi impossível não lembrar da canção do DT “Eu quero ser como um jardim fechado, regado e cuidado pelo teu Espírito” (Manancial) Amo essa canção!!! Obrigada por me abençoar!!
    Bjs

    Julho 30, 2010 às 9:49

  4. danielecappelli

    Olá, querida! Certo dia você comentou em meu blog e eu só fui ver hoje! Vim correndo até seu blog, ler, meditar. Que benção!
    Vc me edificou muito com esse post!

    Aliás, eu postei ontem, se quiser dar uma olhada!
    Deus abençoe tremendamente!

    Abraço,
    Dani Cappelli

    Julho 30, 2010 às 12:52

  5. Cíntia Amorim

    Glória a Deus!!!!!!
    Raquel, o meu texto desse mês é João 14.
    Não consigo sair dele… Está pulsando dentro do meu coração.
    Não se turbe vosso coração crede em Deus e tb em mim a casa de meu Pai há muitas moradas…
    …Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama. E aquele que me ama, será amado por meu Pai, e eu tb o amarei e me manifestarei a ele…

    Julho 31, 2010 às 20:05

  6. Sonia Bernardes

    Oi Quel!!!!!!! Maravilhoso e esclarecdor este texto. Que Jesus continue te usando para nossa edificação. Amamos vc. Bjim Soninha

    Agosto 7, 2010 às 16:12

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s